top of page

Cuidando do Animal de Estimação Após o Falecimento de um Ente Querido que era seu Tutor


Quando um ente querido que possuía um animal de estimação falece, pode ser que a família tenha dúvidas sobre o que fazer com o fiel amigo de seu ente querido .

Queremos esclarecer as opções disponíveis e ajudar a tomar decisões que considerem o bem-estar do nosso amigo de quatro patas:


1. Assumir a Responsabilidade: Se houver alguém na família que possa e queira assumir o cuidado do animal de estimação, essa é frequentemente a melhor solução. Certifique-se de discutir e planejar como será o novo lar do animal e quem será o responsável por cuidar dele.

2. Encontrar um Novo Lar na Família: Se nenhum dos membros da família puder assumir o cuidado permanente, considere a possibilidade de encontrar um novo lar dentro do círculo de amigos e parentes. Certifique-se de que a pessoa escolhida está disposta e capaz de oferecer os cuidados necessários.

3. Recorrer a Abrigos de Resgate: Existem muitos abrigos de resgate que se dedicam a cuidar de animais de estimação em situações como essa. Eles podem oferecer cuidados temporários ou ajudar a encontrar um novo lar permanente para o animal.

4. Considere divulgar a necessidade de um novo lar para o animal de estimação nas redes sociais da família ou mesmo da pessoa falecida. Se aparecerem candidatos, certifique-se de que são pessoas que cuidarão bem do bichinho.

5. Tenha ainda em vista que se diversas pessoas da família imediata quiserem se responsabilizar pelo animal e não houver uma solução consensual para isto pode ser que a questão tenha que ser levada a um inventário litigioso. Se for este o caso de sua família, submeta esta questão também à orientação de um advogado especializado em família ou sucessões.

Lembramos que a decisão deve ser baseada no bem-estar do animal e em encontrar a melhor solução possível para ele. É fundamental considerar fatores como a personalidade do animal, suas necessidades específicas e o ambiente em que ele se sentiria mais confortável.

Seja qual for a escolha feita, lembrem-se de que o amor e o cuidado que o ente querido tinha pelo animal de estimação continuarão a ser uma parte importante do legado dele.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page